Envio grátis +80€ | 5% de desconto com o código: OMOPTG

Kokedamas


O que são kokedamas?

A palavra "kokedama" refere-se a uma antiga técnica de jardinagem japonesa. Este termo é composto por duas partes: "koke" e "dama". "Koke" significa musgo e "dama" significa bola ou esfera, juntos, "kokedama" traduz-se literalmente como "bola de musgo".

Esta técnica de jardinagem japonesa é uma forma única de cultivar plantas sem a necessidade de vasos convencionais. As raízes são envolvidas em musgo e mantidas unidas por uma estrutura de arame ou fio, formando uma bela e compacta esfera verde. Dentro desta bola de musgo é colocado substrato mineral e akadama, uma argila japonesa que retém a água e os nutrientes necessários para que as raízes cresçam de forma saudável. Este ambiente proporciona as condições perfeitas para o crescimento das plantas.

Quais são os cuidados a ter com um kokedama?

Tal como as plantas em vaso, os kokedamas requerem cuidados específicos para se desenvolverem bem. Se seguires estes conselhos, poderás ter kokedamas perfeitas, e são muito fáceis de cuidar.

Localização

Coloca o kokedama num local que receba luz indireta brilhante. Evita a luz solar direta, que pode danificar tanto o musgo como as plantas.

Os kokedamas são ideais para interiores, mas também podem ser colocadas no exterior, em zonas de sombra.

Regar

Quando se nota que o musgo e o substrato estão secos ao toque, é altura de regar o kokedama! A frequência da rega pode variar consoante as estações do ano. No verão, devido ao calor, é aconselhável aumentar a frequência. Mas, como é que se rega um kokedama?

  • Em primeiro lugar, devemos mergulhar a bola de kokedama numa tigela com água, garantindo que esteja completamente coberta.
  • Ser paciente enquanto o kokedama está na água. Passados cerca de dois minutos ou quando as bolhas pararem, retira cuidadosamente o kokedama da água.
  • Coloca o kokedama em espera até que deixe de pingar completamente. Isto indica que absorveu a quantidade de água necessária. Quando parar de pingar, volta a colocar o kokedama no local escolhido.

É importante não deixar o kokedama secar completamente entre regas, mas também não deve ficar constantemente encharcado. Encontra um equilíbrio para manter o nível de humidade adequado.

Evita regar em excesso, pois isso pode levar à decomposição do musgo e ao apodrecimento das raízes. Tem em conta que cada tipo de planta requer mais ou menos rega.

Humidade

Pulveriza ligeiramente o musgo com água regularmente para o manter húmido entre as regas. Isto ajuda a manter um ambiente húmido à volta das raízes da planta.

Também podes colocar o kokedama num tabuleiro com seixos ou cascalho húmido para aumentar a humidade.

Aqui está um vídeo que explica tudo sobre os cuidados com o kokedama!

O kokedama pode durar muito tempo, mas é possível que, com o passar dos anos, a bola de musgo seque, descasque ou perca a sua cor verde. Por isso, é importante refazer a bola de musgo quando isso acontece. No nosso site, temos disponíveis alguns pack DIY de kokedama sem planta que incluem todos os materiais para o fazeres tu mesmo em casa.

Como mudar o musgo de um kokedama?

Passo 1: Desfazer a bola de musgo

O primeiro passo é cortar o fio da bola seguido da camada de musgo. Desta forma, podemos retirar o musgo e deixar a bola de substrato a descoberto. Agora podemos remover a bola de substrato com cuidado até podermos ver as raízes da planta. Quando tivermos isto, é altura de fazer o nosso kokedama. Se a fizermos de raiz, o processo é o mesmo. Primeiro devemos retirar a planta do vaso e retirar o substrato até ficarem apenas as raízes.

Passo 2: Fazer a bola de kokedama

O passo seguinte é preparar a mistura de substrato e akadama. Devemos misturar estes ingredientes e adicionar água para obter uma mistura homogénea. Lembra-te que se a mistura for demasiado espessa, podes acrescentar água. Se for demasiado líquida, podes acrescentar mais substrato. Quando a mistura estiver pronta, podemos fazer a bola com as mãos, envolvendo e cobrindo as raízes.

Etapa 3: Cobrir a bola com musgo

Antes de adicionar o musgo, é importante limpá-la. Podes deixá-lo sobre a mesa e retirar as folhas e os ramos que possam incomodar-te durante o processo. Agora podemos colocar o kokedama em cima da camada de musgo e abraçá-lo. Não te preocupes se houver restos de musgo, poded retirar o excesso.

Passo 4: Envolver a bola com fio

Quando tivermos a bola de substrato rodeada de musgo é altura de fixar tudo com fio. Começa com um nó duplo na horizontal e corta o excesso de fio. Em seguida, continua a envolver a planta com passagens diagonais de fio até que o musgo esteja completamente coberto. Não te esqueças de cobrir todas as zonas para evitar que a bola se desfaça. Termina com outro nó duplo e corta o excesso de fio.

Aqui está um vídeo onde explicamos como fazer um kokedama com mais pormenor!

Os nossos kokedamas

Na Omotesando fazemos a técnica do kokedama com muitas variedades de plantas, aqui estão algumas das nossas favoritas, no nosso site podes também ver todos os modelos!

Kokedama de Ficus Ginseng

Kokedama de Pachira

Antúrio Kokedama

Aspa Kokedama